Chiquititas: Mosca se declara para Mili, mas ela diz que não podem ficar juntos

Confira o resumo do capítulo desta sexta, 9

Mosca (Gabriel Santana) e Mili (Giovanna Grigio) | <i>Crédito: Lourival Ribeiro
Mosca (Gabriel Santana) e Mili (Giovanna Grigio) | Crédito: Lourival Ribeiro

Marian joga bolinhas de gude no chão do quarto das meninas, próximo à cama de Mili. Os pequenos entram na casa de Helena pela janela. Neco fica do lado de fora para tomar conta. As crianças escutam um barulho e notam que uma das portas foi trancada. Helena volta pra casa e flagra as crianças. A mulher grita e diz que eles irão se arrepender por terem invadido mais uma vez sua casa. Mili escorrega ao pisar nas bolinhas de gude e cai no chão. Cris diz que foi Marian. Carmen aproveita a situação para dizer a Carol que Mili precisa ir para um instituto de cegos. Helena leva Carmen e Carol até a sala e conta que as crianças invadiram sua casa pela segunda vez. Carmen grita, diz que Carol é incompetente e aplica castigo nas crianças, que durante uma semana estão proibidas de sair na rua. Carmen diz que Helena ainda pode aplicar castigo que quiser e que Carol não poderá intervir. O único que não foi castigado é Neco, pois Helena não havia visto o menino. Na cadeia, Chico visita Matilde, pensando que ela é Ernestina. Carmen fala com Mili e diz que ela deveria ir para um instituto de cegos para não ser um peso para seus amigos. Carol entra no quarto e ao saber o teor da conversa diz que não acredita que Carmen esteja insistindo no assunto. Mosca pensa em se declarar para Mili e assim dar um apoio para ela. Pata ajuda Mili a treinar para fazer as coisas do dia-a-dia. Mosca se declara para Mili e diz que não entende o motivo que ela se distanciou dele. Mili diz que havia enviado uma carta pra ele, que não respondeu. Mili diz que Mosca está com pena dela e nessa situação não podem ficar juntos.

09/03/2018 - 11:48

Receba as novidades da Tititi em seu e-mail! Cadastre-se abaixo:

*preenchimento obrigatório

Conecte-se

Revista Tititi