O Outro Lado do Paraíso: Clara é trancafiada em hospício pela própria sogra bandida!

Sophia arma plano macabro para sumir com a jovem e ficar com as esmeraldas dela

Jovem simples e bonita, é um pouco inocente em relação ao amor. Dá aulas para crianças de um quilombo em Pedra Santa e mora com o avô, Josafá (Lima Duarte), que tem um bar na beira da estrada, no Jalapão. Apaixona-se à primeira vista por Gael (Sergio Guizé). Casa-se e se muda para Palmas, onde vai sofrer grandes decepções. Será amparada pelo amigo Renato (Rafael Cardoso) nos momentos de desespero. Vai sofrer nas mãos da sogra, Sophia (Marieta Severo), e da cunhada Lívia (Grazi Massafera). Mãe de Tomaz (Vitor Figueiredo), que é obrigada a abandonar pequeno em função de uma armação que a faz desaparecer por longos dez anos. | <i>Crédito: Tv Globo / Raquel Cunha
Jovem simples e bonita, é um pouco inocente em relação ao amor. Dá aulas para crianças de um quilombo em Pedra Santa e mora com o avô, Josafá (Lima Duarte), que tem um bar na beira da estrada, no Jalapão. Apaixona-se à primeira vista por Gael (Sergio Guizé). Casa-se e se muda para Palmas, onde vai sofrer grandes decepções. Será amparada pelo amigo Renato (Rafael Cardoso) nos momentos de desespero. Vai sofrer nas mãos da sogra, Sophia (Marieta Severo), e da cunhada Lívia (Grazi Massafera). Mãe de Tomaz (Vitor Figueiredo), que é obrigada a abandonar pequeno em função de uma armação que a faz desaparecer por longos dez anos. | Crédito: Tv Globo / Raquel Cunha

O casamento de Clara (Bianca Bin) e Gael (Sergio Guizé) já começou bem errado, mas quando o pequeno Tomaz (Vitor Figueiredo), filho do casal, nasce a vida deles muda um pouco. Pelo menos por um tempinho tudo ficará em paz... Isso até Sophia (Marieta Severo) perceber que a nora, realmente, nunca a deixará  explorar as terras cheias de esmeraldas nas quais o avô Josafá (Lima Duarte) mora.

Sendo assim, a bandida cria um plano maligno e usará a filha Lívia (Grazi Massafera) na história sórdida. Tudo começa a ser premeditado quando Clara dá a notícia da gravidez. Primeiro, Sophia faz a cabeça de Lívia para que vá morar com o irmão e a cunhada, no intuito de proteger o bebê que está por vir. “Você sempre gostou de crianças, sonha ter um filho, e assim poderá impedir Gael de fazer uma loucura contra um inocente”, dispara a cobra, referindo-se aos espancamentos que ele pratica contra a esposa. Na sequência, a bruxa convence a nora de que Lívia, morando com eles, terá como ajudá-la.

Sendo assim, Clara aceita, pois quer fazer seu casamento com o ogro dar certo. E Lívia vê no sobrinho a possibilidade de cuidar de um bebê, já que não pode ter filhos (veja detalhes a seguir). Quando Tomaz nasce, a família se realiza. Sophia, no entanto, tem tudo para colocar seu plano em prática.

A separação
Diabólica, a mãe arquiteta para separar o próprio filho de Clara. Aliada a Lívia, ela faz Gael pegar a mulher conversando com Renato (Rafael Cardoso) dentro da casa do casal. Possesso de ciúme por ver o rival em sua residência, o riquinho não percebe a jogada e parte para cima do médico e de Clara, que está com o bebê no colo.

Com medo de apanhar novamente do marido, que também poderá machucar o bebê, Clara liga para a polícia, que prende o agressor. No distrito, por tratar-se do herdeiro de Sophia, o delegado Vinícius (Flávio Tolezani) liga para a megera e avisa: desta vez vai ser difícil aliviar a barra de Gael: “A não ser que você consiga um habeas corpus, enquanto eu tento enrolar com o interrogatório”, dispara o policial corrupto.

Lívia vai com a mãe à delegacia para ajudar Clara e levar Tomaz daquele ambiente. A sogra ainda faz a cabeça da nora para ela se separar de Gael. “Eu sei que é meu filho, mas sou mulher e não posso admitir agressão física. Tenho medo de como isso possa terminar. Acho melhor vocês romperem”, diz a ricaça ambiciosa.

Dando o bote
Assim que consegue convencer Clara de que o fim do relacionamento é a melhor coisa a fazer, Sophia leva Gael para a sua residência, e diz que a nora e o neto ficarão no lar do ex-casal. Tudo a contragosto de Gael, que tenta o tempo todo reatar com a mulher.

Dias depois, Clara aceita um acordo de divórcio. E no contrato passa para Tomaz suas terras. Já Gael transfere ao menino a herança deixada pelo pai dele. Sophia, entretanto, com a ajuda de Lívia, faz Clara parecer desequilibrada, como se estivesse tendo alucinações. 

A cobra chega a comprar dois celulares no nome de Clara, e manda mensagens de morte como se a jovem estivesse enviado para ela mesma. E, para piorar, Sophia sabe os podres dos poderosos de Palmas e vai cobrar alguns favorzinhos... Primeiro, do delegado, que arquiva a investigação contra Gael. Depois, com o auxílio de Samuel (Eriberto Leão), ela leva a nora a acreditar que está sofrendo de algum distúrbio mental. Assim, o médico dá alucinógenos à menina, que surta ainda mais. 

Nas semanas seguintes, Clara começa a se sentir perseguida por Gael. E, induzida pelo doutor Samuel, copia trechos de um livro falando sobre despedida. Só no decorrer da trama é que ela perceberá que escreveu uma carta de adeus. Por último, Gustavo (Luís Melo) ajuda Sophia a obter  a guarda de Tomaz. Assim, a víbora conseguirá, enfim, explorar as esmeraldas.

O maior drama de Clara, contudo, está por vir, transformando sua existência num verdadeiro inferno. A gangue toda de Sophia dá um jeito de trancafiar a moça num hospício longe dali, numa ilha deserta e macabra... Já isolada do mundo e longe do filho, Clara faz amizade com Beatriz (Nathalia Timberg), uma milionária internada no mesmo sanatório pela neta, que só queria a fortuna dela. “Quem entra aqui é esquecida por todos. Estamos enterradas vivas, minha querida!”, afirma a pobre senhora.

Porém, numa noite de tempestade, a neta de Josafá faz uma promessa a ela mesma: sairá daquela calvário e se vingará: “Eu juro, vou me vingar de todos... De Sophia, Gael, do delegado, do juiz e do médico. E vou recuperar meu filho a qualquer custo!”

10/11/2017 - 14:29

Receba as novidades da Tititi em seu e-mail! Cadastre-se abaixo:

*preenchimento obrigatório

Conecte-se

Revista Tititi