Segundo Sol: Luzia tem tórrida noite de amor com Beto após reencontro!

Após quase 20 anos, a DJ escapa de Karola e se joga nos braços da paixão de sua vida

Luzia (Giovanna Antonelli) e Beto (Emílio Dantas) | <i>Crédito: Globo/João Cotta
Luzia (Giovanna Antonelli) e Beto (Emílio Dantas) | Crédito: Globo/João Cotta

Não há ninguém na Bahia que já não saiba, mas é sempre bom lembrar: os búzios de Pai Didico (João Acaiabe) jamais mentem! Um dia o babalorixá chama o filho Groa (André Dias) com urgência ao terreiro para lhe contar que, durante um jogo, os orixás o avisaram: muito em breve, uma pessoa do passado da grande amiga dele, Luzia (Giovanna Antonelli) retornará para acertarem as contas.

O islandês até faz a sua parte e avisa a "morena" da profecia. Mas ela, incrédula, não dá muita bola. Sem se atentar às palavras do pai de santo, a DJ se aproxima mais e mais de Valentim (Danilo Mesquita), sem imaginar que justamente o jovem a fará confrontar os temidos fantasmas do passado.

Ainda sem imaginar que o jovem é o fruto de seu tórrido romance com Miguel (Emílio Dantas), a artista o convida para apresentar algumas das músicas do falecido pai dele, Beto Falcão, nos seus próximos shows na Praia do Flamengo, em Salvador. Em troca, Valentim chama a agora Ariella para jantar no velho casarão abandonado que divide com amigos no tradicional bairro de Santo Antônio. “Se você não gostar de caruru, posso fazer outra Após quase 20 anos, a DJ escapa de Karola e se joga nos braços da paixão de sua vida coisa”, oferece o jovem, convencendo a estrela a visitá- lo em breve.

Fantasmas do passado

No dia combinado, com toda pompa, Luzia é recebida por Valentim e os amigos dele. E ela se surpreende com o cheirinho bom que vem da cozinha. “Caruru, meu prato favorito!”, diz a bela, deliciando-se, sem ter a chance de, sequer, provar a iguaria. Afinal, uma visita inesperada invade a sala atrás do jovem compositor. “Meu amor, trouxe umas coisinhas que você pode estar precisando”, dispara Karola (Deborah Secco), adentrando sem permissão alguma.

Atônita ao ver Valentim chamando Karola de mãe, a DJ sai em disparada, escapando por muito pouco de dar de cara com a mulher que fez de tudo para separá-la de Miguel e destruiu sua existência.

Ao perceber que a profecia está perto de se concretizar, Groa pede que Luzia evite contato com Valentim, temendo que a amiga possa esbarrar novamente com Karola e, assim, mais uma vez, ir parar no xilindró.

O tempo passa e Luzia evita Valentim de todo modo, com medo de ser descoberta pela rival. A pedido de Manuela (Luisa Arraes), contudo, ela dá uma carona ao jovem após mais um de seus espetáculos e se irrita com o toque incessante do celular dele.

“Não vai atender?”, questiona a DJ. “É Miguel, meu padrasto, já me ligou mil vezes”, rebate o gato ao mostrar a tela do aparelho para Luzia. Ali ela quase bate o carro após er a imagem do grande amor de sua vida.

O reencontro em Boiporã

Extasiada ao descobrir que Miguel está vivinho da Silva, Luzia corre para contar a novidade a Cacau (Fabíula Nascimento). E ela trata de convencer a irmã de que se trata de um sósia. Ao ver a empolgação da mana, e percebendo que ela não desistirá de procurar o amado, a cozinheira revela: “Nem devia lhe falar nada, mas vou falar por desencargo de consciência. Um homem recentemente veio aqui no restaurante e alugou nossa casinha em Boiporã. Ele se chama Miguel!”

chama Miguel!” Sem nem pestanejar, a DJ embarca rumo à praia paradisíaca e ao colocar os pés na areia, vê de longe Miguel, desatento, catando sururu na beira do mar. Antes mesmo que ela possa correr em direção ao grande amor de sua vida, é surpreendida por Groa. O loiro impede de ir e a relembra das palavras de Pai Didico sobre o acerto de contas com alguém do passado.

Ressabiada, ela aceita voltar com o islandês para Salvador, sem se revelar ao amado. Pronta para embarcar na balsa de volta à capital ela é puxada pelo braço. Ao se virar, Luzia dá de cara com Miguel, pai de seu caçula. “Luzia, vamos embora, o barco não pode esperar!”, grita o "gringo" preocupado com a bela. “Eu vou ficar”, responde ela, pulando no mar para ir ao encontro do cantor. Após um abraço comovente, os dois se beijam, ainda totalmente apaixonados, e acertam as contas na praia, a caminho do pequeno casabre de madeira onde se conheceram. “Você voltou para casa, Luzia”, fala Miguel, segurando sua musa e adentrando com ela pela porta do imóvel onde, dezoito anos depois, têm uma tórrida noite de amor juntinhos. Imagina Karola quando descobrir?!

 

30/05/2018 - 15:30

Receba as novidades da Tititi em seu e-mail! Cadastre-se abaixo:

*preenchimento obrigatório

Conecte-se

Revista Tititi