Mayara Lepre: "Raquel vai ter romance sim, mas não é com Douglas!"

A atriz dá dicas sobre o desfecho de sua personagem e se diverte com a repercussão da bailarina junto ao público

Daniel Vilela

Rodrigo Lopes | <i>Crédito: Rodrigo Lopes
Rodrigo Lopes | Crédito: Rodrigo Lopes

Ela é um furacão! Engenhosamente loira, como se define nas redes sociais, Mayara Lepre voltou com tudo para causar ainda mais na reta final de Pega Pega. Afinal, a bailarina Raquel, sua personagem na trama de Claudia Souto, não está para brincadeira. E já deu um ultimato a Douglas (Guilherme Weber): quer a guarda do filho Gabriel (Antônio Guilherme Cabral) de volta! "As pessoas ficaram inconformadas, ouvi até xingamento", conta a estrela, se deliciando com a repercussão nas ruas. 

Vale lembrar também que a musa faz bonito por trás das câmeras. Quando não está às voltas com as gravações da novela e das séries que participa, ela se dedica aos roteiros e fez parte da equipe que colocou a segunda temporada do Adnight no ar. "Tenho alguns projetos em andamento, inclusive um longa", promete Mayara, neste papo com TITITI.

TITITI - Você está na reta final de Pega Pega, terminou mais uma temporada de A Cara do Pai e também pode ser vista no humorístico Treme Treme, do Multishow. Como conseguiu conciliar tantos personagens e tantos trabalhos?
Mayara Lepre -O universo conspira... e onde não ajuda a gente dá um jeito (risos). A Cara do Pai foi gravado ano passado mas foi exibido esse ano. O humorístico do Multishow eu consegui negociar para filmar nos finais de semana e na Globo de segunda a sexta. É corrido mas é o que eu amo fazer! 

Além de atuar, você escreve e participou como roteirista da nova temporada do Adnight...
Amei a experiência no Adnight, aprendi muito trabalhando com toda a equipe. Já tenho projetos em andamento inclusive um longa! 

Vamos falar de Pega Pega! A trama é um sucesso tremendo na faixa das sete como não se via há tempos. A audiência bomba! Tem sentido essa boa repercussão junto ao público?
Tem sido incrível. A Raquel abandona um filho e depois volta pra buscar. As pessoas ficaram inconformadas, ouvi até xingamento. Acho ótimo, quer dizer que o personagem está cumprindo a função. Mas nessa reta final ela tenta ganhar a simpatia do público.

Sua personagem é uma bailarina. Rolou alguma preocupação com o corpo, com a exposição dele, ou levou numa boa?
Tive cena de biquini e até uma mais “caliente” hahaha mas a exposição não me incomoda, meu corpo está a serviço dos personagens.

Dá para arriscar que Raquel ainda pode se unir a Douglas (Guilherme Weber), mesmo que não “carnalmente”, para dar uma família nada convencional ao Gabriel?
Raquel vai ter romance sim,mas não é com Douglas. É só o que posso adiantar! Aliás adorei o desfecho da personagem! E acho que o público vai curtir também.

Aliás, nas tramas você está sempre rodeada de crianças! Tanto em Pega Pega, quanto em A Cara do Pai. Curte os pequenos? 
Amo criança demais! E acho que o set fica mais divertido com elas. Adoro o Guilherme Cabral [que vive seu filho na trama] nos divertimos muito juntos e eu já tenho um carinho especial por ele! Quero muito ter filhos e acho que não vai demorar muito pra acontecer! 

Você já foi apontada como uma das grandes promessas do humor brasileiro, que sempre foi dominado por homens. Foi mais difícil para você, mulher, super bonita, se firmar nesse cenário e se fazer valer pelo seu talento?
Ser artista por si só já é muito difícil. Já foi mais complicado ser mulher no mundo da comédia, hoje acredito que já nos estabelecemos. Mas ainda lutamos contra o machismo no meio e das pessoas que esperam que as mulheres não se exponham! 

Como descobriu que tinha esse lado cômico? 
Acho que comediante nasce. Sempre fui a engraçadinha da turma na escola, na família. O humor sempre fez parte da minha personalidade

04/01/2018 - 16:00

Receba as novidades da Tititi em seu e-mail! Cadastre-se abaixo:

*preenchimento obrigatório

Conecte-se

Revista Tititi