Supla vira 'papito' de Maisa Silva!

O cantor fará uma participação pra lá de especial em Carinha de Anjo, do SBT

Por Patricia Battaglia

Supla em Carinha de Anjo | <i>Crédito: Eve Schwartz/ SBT
Supla em Carinha de Anjo | Crédito: Eve Schwartz/ SBT
Eduardo Smith de Vasconcelos Suplicy, o famoso Supla, que todo mundo ama, especialmente desde o sucesso que fez em Casa dos Artistas (2001), do SBT, está de volta às telinhas. O roqueiro foi convidado para atuar em Carinha de Anjo, onde Lorena Queiroz interpreta a protagonista Dulce da mesma emissora, e adorou a ideia! Na novela infantil, o cantor e ator interpretará Tuca, “papito” de ninguém menos que Maisa Silva, a blogueira Juju. As sequências serão exibidas em breve. 

Esta, porém, não é a primeira vez que Supla faz uma trama na TV. Ele já atuou em Um Anjo Caiu do Céu (2001), As Filhas da Mãe (2001), brilhou em A Turma do Didi (2003) e no Sítio do Picapau Amarelo (2004), como Elvis! O artista ainda apresentou os programas Brothers (2008- 2010), da RedeTV!, com o irmão João Suplicy, Furo MTV (2012), da MTV, e foi jurado do Ídolos (2012), da Record TV. Ah, teve ainda o Papito in Love (2013- 2015), da MTV. E, recentemente, arrasou no Mais Você, de Ana Maria Braga.

TITITI – Como foi o convite para Carinha? 
Supla – Me mandaram um e- -mail da produção e fiquei muito contente! 

Conta um pouco do papel? 
Então, ele é um cara meio roqueirão, divertidão. Eles queriam o Supla mesmo, mas não dava para ser eu mesmo. Eu queria um personagem de verdade... Então, sugeri usar um tapa-olho, uma coisa meio pirata. E como é uma novela de criança, acabou ficando legal. 

E ser pai da Maisinha? 
Ah, ela é fofa mesmo! Muito educada, gente boa.

O que posso adiantar mais do personagem?
Ele é um cara que gosta muito da filha e tem um respeito pela família, apesar de estar sempre na estrada e ter uma vida meio de cigano.

Você já gravou as cenas, certo? Como rolou?
Os atores, a galera da produção, todo mundo foi megalegal comigo. É muito bom quando você é bem recebido no ambiente de trabalho, isso é ótimo também para a trama. 

Já atuou em outras novelas, inclusive na Globo, certo?
Sim, mas esse personagem caiu como uma luva. 

Falando em Globo... E o sucesso no Mais Você, hein? 
Nossa, foi muito legal! Ana é uma pessoa muito boa, me deixou bastante à vontade. Cerca de 10 minutos antes de começar a atração, virou e disse: “Ah, apresenta aí (risos)!” Aí eu fui! Foi muito divertido! 

Como vai a música, sua grande e eterna paixão?
Ah, estou feliz com o novo single, Waiting in Tokyo, que, inclusive, entrará em Carinha! Será do meu personagem. 

Tem CD novo vindo?
Sim, essa música já está tocando nas rádios. E vai ser parte de um álbum que pretendo lançar no final do ano. 

Sua carreira também é internacional, né? 
Sim, já toquei na Califórnia (EUA) e estou querendo voltar. 

Vamos falar de coração? 
Ah (gargalhadas)! Meu coração está firme e forte. Estou de boa (solteiro). 

Você está com 51 anos... Pensa em ter filhos ainda ou isso não faz parte de seus projetos? 
Se tiver a oportunidade, estou aí, sim! Não descarto a ideia. E não tem que ter uma regra (idade) para ser pai... Por que não pode ter filho mais tarde? Hoje em dia tem gente tendo aos 67 anos e até mais! Vamos ver como rola (risos)! 

Quanto ao seu estilo único de se vestir... Qual a inspiração?
Então, sabe onde me inspiro muito? Em Comic Books, como era a revista Heavy Metal, de figurinhas, mesmo. Tipo vampiros, com uma pegada meio urbanística. Também gosto de coisas clássicas do rock, como a banda Stray Cats, dos anos 80. Curtia como eles se vestiam. Gosto de brincar com estilos. 

E o cabelo?
(Risos) Ah, cada um é dono do seu cabelo, né?! Tem vários caras, sobretudo, dentro do gênero heavy metal, que têm cabelos brancos, assim... Adoro, de verdade! Não mudo!

28/07/2017 - 09:59

Receba as novidades da Tititi em seu e-mail! Cadastre-se abaixo:

*preenchimento obrigatório

Conecte-se

Revista Tititi